Workflow to BPM

A Oracle integrou na BPM Suite todas as capacidades de gestão de processos de negócio necessárias para construir soluções centradas em processos, que junta tanto tarefas humanas como de sistema.

A BPM Suite em conjunto com a SOA Suite e Webcenter Content permite que a empresa enderece, numa única plataforma de Middleware, todas as capacidades necessárias para construir e disponibilizar aplicações globais para a empresa.

A vasta experiência da Link em sistemas centrados em processos, o seu conhecimento consolidado e a sua competência adquiridos por ser early adopter do Oracle BPM, capacitou-a com uma metodologia robusta e comprovada para executar projetos de migração de Workflow, ou tecnologias legacy para Oracle BPM.

Um dos casos principais é a migração do Oracle Workflow – já não é suportado pela Oracle.

A Metodologia para migração para BPM pode ser dividida em seis grandes fases:

  • Workflow Application Assessment: Este passo envolve um questionário inicial e a análise para determinar a estratégia de migração, os requisitos de alto nível e os principais riscos. São utilizadas métricas para identificar a complexidade e tamanho dos processos, interfaces e lógica para migrar para a BPM Suite.
  • Analysis and Planning: Análise detalhada e plano de projeto; análise de novos requisitos de negócio; definição da arquitetura de aplicações e de integrações.
  • Test Case Definition: É utilizada uma abordagem de definição de caso de testes, cobrindo todos os casos de uso.
  • Usability Requirements: Novas aplicações necessitam de novos paradigmas de interação do utilizador. Alterações tecnológicas significativas, nas quais se incluem a adoção generalizada de dispositivos móveis, sugerem a necessidade de uma revisão completa de práticas de usabilidade. Garantimos que as novas aplicações são criadas com o paradigma mais adequado, independentemente do que era anteriormente utilizado. Este é um aspecto chave, sendo que a usabilidade é uma qualidade indispensável para qualquer solução moderna, além de que é um fator crucial de sucesso para qualquer projeto moderno.
  • Migration Development: Esta fase cobre todo o desenvolvimento de processos baseado nas ferramentas e metodologias de migração da Link Consulting.
  • Acceptance Tests: Executar os testes previamente definidos, suportados por uma ferramenta de controlo de testes.
A Migração para BPM pode também tirar partido das vantagens de uma Worklist Unificada, com os seguintes benefícios adicionais:

  • Evitar downtime, mantendo os novos processos BPM e os Workflows antigos na mesma Worklist;
    • Na maior parte dos casos, de um modo completamente transparente para o utilizador.
  • Reduzir esforço de desenvolvimento para novas funcionalidades e processos;
  • Permitir aos utilizadores de negócio que trabalhem nos mesmos modelos de processos;
  • Aumentar a usabilidade das aplicações de workflow
  • Adicionar novas funcionalidades.