Governação Integrada de Processos

Link Consulting - servicos - consulting - Governação Integrada de Processos

Numa organização temos diferentes interesses, diferentes análises, diferentes objetivos. Mas para ser uma organização deve ter uma visão única dos seus processos.

Desafios a que respondemos:

gip

As diversas áreas de competência, Risco, Custeio, Controlo, Auditoria, Estratégia, Tramitação, Compliance e Comportamento

  • Partilham um repositório único de processos?
  • Informação acessivel a todos os interessados?
  • Têm uma visão única da Organização?
  • Existe um modelo de governação?

As diferentes áreas de competências das organizações têm diferentes necessidades e consequentemente o nível de detalhe e de tramitação que pretendem ter disponível nos processos é diferente, posicionando-se assim nos diferentes quadrantes da figura acima.

Daí que, quando surgem iniciativas individuais por parte das diferentes áreas, os diferentes interesses, o desfasamento no tempo e os diferentes graus de maturidade, levam a que se criem vários repositórios, com diferentes níveis de detalhe, por vezes com diferentes terminologias e quase sempre não sincronizadas. Isto é, provavelmente existem na organização diferentes versões dos mesmos processos. Esta situação é agravada, muitas vezes por um deficiente – ou mesmo ausente – modelo de governação de processos. Isto leva a ineficiências e inevitavelmente à perda de valor para a organização.

Microsite da Oferta GIP